Brasileirinho - Principal

Voltar ao Menu


HOMEM, CRIADOR E CRIATURA DO MUNDO EM QUE VIVE

Na continuidade em 2007 do Projeto Brasileirinho - Os Tons da Aquarela Cultural de nosso País, a professora Vânia Correia Pinto trabalhou com os alunos da turma 2008 do Colégio Estadual Vicente Jannuzzi (Rio de Janeiro) o tema Homem, Criador e Criatura do Mundo em que Vive. Conheça alguns dos textos dos estudantes.

CANÇÃO DA CRIAÇÃO
E DA DESTRUIÇÃO
(Alexandre R. da Silva)

Composição indefinida,
Que toma forma
A partir dos sentimentos
De seu compositor
Tal composição irá tornar-se
Uma canção de criação, uma canção de amor.

Composição indefinida,
Que toma forma
A partir do interesse comercial
De seu compositor
Tal composição
Irá tornar-se
Uma canção de destruição
Atraente inicialmente
Porém mais tarde
Mau exemplo de composição.

Ambas as composições
Alteram um todo
Como se dará essa alteração?
Só depende do compositor.

***

HOMEM FILOSOFIA (Augusto César Farias)

O Homem que acordara
Do sono encantado do cotidiano
Se sabia ingênuo demais
Para abrir a janela.

Aquela noite intensa
Lhe fora demais cruel
Lhe tapara os ouvidos
Lhe fechara os olhos
Lhe cortara as pernas

Sem sucesso tentou esticar os braços,
Talvez esses lhe viessem atender,
Porém alcançou o vazio,
O vazio de estar só, sentado,
Dormindo eternamente
A vida que tão somente
Pedia para ser medida, vivida e sentida
Terminava pensando que por certo
Em outro lugar, outra janela,
Viria, se abriria e estaria mais perto.
Tão simplesmente perto.

***

A ESCOLHA DO MEU FILHO (Bianca Martins)

São filhos vivos,
São corações que choram
Sem saber o que seria melhor:
- Será viver ou morrer?
Se vivo, sofro com a certeza da morte
- O que fazer?
Sei que: O homem é criador e criatura do mundo em que vive.
Responsável por sua morte, ao entrar no crime.
Mesmo assim sofro,
Vendo a continuação da minha vida se acabar
Não sei quando essa dor vai cessar
Espero que não seja quando a morte me levar.
EXPLOSÃO (Miriam da Silva Ribeiro)

Do fogo mais quente
Do ar mais frio
Da água que está secando.
E a terra que está sendo molhada
É o mesmo pequeno coração ao
Ponto de uma imensa explosão.

Homem, esse ser de Terra, elemento,
Água, fogo, ar, combustão.
Talvez seu destino
Seja eterno, vasto lindo,
Ou não?

***

HOMEM, CRIATURA
(Thais Dias Magalhães)

Como pode o homem criar e ser
A própria criatura?
Como pode o homem repartir
E amar, se lhe sobra
A única e fria carne dura?

O Homem, com seu cérebro brilhante
Cria, monta e descobre,
Com sua inveja arrogante,
Destrói, polui e encobre!

Oh! Homem genial,
Pobre de ti que sonhas ser imortal!

***

HOMEM CRIADOR E CRIATURA (Thiago Dyllan)

Um homem por si só não é nada
Um homem junto com alguém é um grande homem
Um homem que pensa por si só é egoísta
Um homem que pode pensar coletivamente pode
Mudar o mundo.
Homem, "ser racional" que não pensa.
Se pensasse não tinha inventado a arma,
Não tinha criado a guerra.
Se parasse de pensar por si só
Não existiria fome,
Se fosse unido, não existiria solidão
Se pensasse em alguém não mataria.
O homem virou criatura de um deus denominado
Dinheiro, poder, ganância e raiva.
O homem nada mais é do que uma criança
Com livre arbítrio que ainda não cresceu.

Copyright © 2007. É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo do Brasileirinho para fins comerciais